Brad Pitt
Coolhunting

Quando a roupa de Brad Pitt mostra o dedo do meio a convenções

Um galã de Hollywood pode e deve usar uma saia. É difícil discordar desta ideia, depois da passagem de Brad Pitt pela antestreia do filme Bullet Train.

Masculinidade, ainda te reges por roupa? 

Uma camisa rosa e uma saia assimétrica foi a escolha do ator norte-americano para mais uma passadeira vermelha que anuncia a chegada de um novo projeto cinematográfico, no qual Brad Pitt é um assassino que recebe missões no decorrer da trama. Se a personagem falhou nessas missões, ainda não sabemos, mas a escolha do ator para este outfit foi bem-sucedida.

E ninguém diz que o charme de Brad Pitt não foi atropelado por um desmazelo estético, mas é difícil não simpatizarmos pela forma como o ator entra para a lista de homens, como Kurt Cobain, Billy Porter e Jared Leto, que não têm medo de olhares reprovadores e muito menos de dizer que não a convenções de moda e de género.

RELACIONADOS

Coolhunting

Linda Evangelista, o grande regresso da supermodelo

Long live, Linda Evangelista. Uma supermodelo será sempre uma supermodelo. E não há ninguém como Evangelista.

Coolhunting