Aston Martin DB5 Fotografia: DR
Design e Artes

Aston Martin fabrica 25 réplicas de carro usado em Goldfinger

As unidades terão um custo de 3 milhões de euros e serão iguais ao modelo usado no filme de 1964 protagonizado por Sean Connery.

Ao longo dos 53 anos de história de James Bond e dos 24 filmes de 007, os carros foram sempre um dos elementos centrais da narrativa. A Aston Martin, uma das marcas de automóveis cujos modelos foram conduzidos pelo agente secreto, está a produzir, em parceria com a EON Productions, 25 réplicas do icónico DB5, que apareceu pela primeira vez no universo de 007 no filme Goldfinger (1964).

Fabricado entre 1963 e 1965, nas instalações da marca em Newport, no Reino Unido, foram construídas apenas 900 unidades, fazendo do DB5 um dos modelos mais icónicos da Aston Martin e da história do cinema. Ao contrário do modelo conduzido por Sean Connery, os inúmeros gadgets usados pelo agente secreto não integravam o modelo vendido ao público. Agora, os 25 carros em produção, que serão postos à venda por 2,75 milhões de libras (3 milhões de euros), vêm juntamente com todas as metralhadoras frontais, matrículas giratórias, telefone  entre outros gadgets usados no filme.

Os gadgets incorporados no novo DB5, que foi sujeito a modificações técnicas atualizadas, foram desenhados por Chris Corbould, supervisor de efeitos especiais com mais de 40 anos de carreira e que já participou em mais de uma dezena de filmes de 007.
 

RELACIONADOS

Gourmet

Na Herdade dos Delgados, já se pode pisar uva

Até 18 de setembro, é possível ter a experiência de vindimar e pisar uvas nos lagares da adega da Ervideira, em Reguengos de Monsaraz.

Design e Artes