ASAP Rocky é o cabeça de carta do primeiro dia do festival
Evasão

Do Meco para Lisboa: Super Bock Super Rock muda-se para o Parque das Nações devido ao calor

Festival que ia realizar-se na Herdade do Cabeço da Flauta, no Meco, entre 14 e 16 de julho, foi obrigado a relocalizar-se para a Altice Arena, devido ao risco de incêndio e à proibição de circulação em zonas florestais.

A dois dias do arranque da sua 26.ª edição, o festival Super Rock Super Bock (SBSR) foi forçado a alterar a sua localização, devido ao estado de contingência decretado até esta sexta-feira por risco de incêndios em todo o território. De acordo com a Música no Coração, promotora do SBSR, que este ano se realizaria na Herdade do Cabeço da Flauta, no Meco,  o festival terá lugar nas mesmas datas na Altice Arena, no Parque das Nações, em Lisboa.

Sendo esperadas entre 30 a 40 mil pessoas por dia no recinto do festival que tem como cabeças de cartaz ASAP Rocky, C.Tangana, DaBaby e Foals, a Música no Coração informou ainda que o alinhamento será o mesmo, não havendo zona de campismo. Os bilhetes já adquiridos continuarão a ser válidos para a nova localização.

ASAP Rocy, um dos nomes mais conhecidos da cena do hip hop, é o cabeça de cartaz do primeiro dia de festival (14 de julho). Leon Bridges, Metronomy, Jungle, Hinds e Flume são outros dos artistas que atuam no primeiro dia.

No segundo dia (15 de julho), DaBaby, rapper norte-americano catapultado para a fama depois de uma aparição no festival South By Soutwest, em 2015, toca o repertório dos três álbuns lançados, com destaque para Blame It on Baby, de 2020.  

O espanhol C.Tangana é outro dos nomes fortes do segundo dia, apresentando El Madrileño, álbum lançado em 2021, e considerado a sua obra seminal. No último dia, a banda britânica Foals apresenta o último álbum dividido em duas partes Everything Not Saved Will be Lost. 

Jamie XX, Woodkid, Mayra Andrade e Capitão Fausto numa atuação com Martim Sousa Tavares são outros dos grandes nomes do dia de encerramento.

RELACIONADOS

Nécessaire

Um retiro no rebuliço de Lisboa? O nosso veredito é: Sim é possível e recomendamos!

A primeira Inner Trip Lisboa decorreu no Hotel Valverde, em plena Avenida da Liberdade, e fechámos os olhos e viajámos ao nosso interior.

Evasão