O gelado de raspberry cheesecake Fotografia: Amuse Bouche
Gourmet

Os melhores gelados veganos do mundo são da Scoop n' Dough

  • 31 ago, 09:00
Redação

Marca portuguesa de sobremesas veganas, conhecida pelos seus doughnuts, ficou em primeiro lugar na lista dos melhores gelados veganos da plataforma Happy Cow, uma das mais reputadas do mundo.

Os gelados da Scoop n’ Dough, marca portuguesa de sobremesas veganas criada em 2019 por Darchite e Jimite Kantelal, alcançaram o primeiro lugar na lista The World’s 10 Best Vegan Ice Cream Shops, da Happy Cow, a mais reputada plataforma e comunidade mundial  sobre vegetarianismo e veganismo.

A marca, também conhecida pelos doughnuts, desenvolve os seus produtos diariamente, tendo levado três anos de estudo até chegar à fórmula desejada para apresentar um gelado de estilo americano com “a consistência ideal e uma textura cremosa, utilizando a menor quantidade possível de açúcar”. 

Na loja na Rua das Portas de Santo Antão, em Lisboa, encontrarás entre 14 e 18 sabores – desde os mais cremosos, como o de Tahiti e baunilha de Madagáscar, ao caramelo salgado ou stracciatella, não esquecendo os sorbets de limão, laranja e fruta sazonal. Os gelados, vendidos a copo ou em cone, estão disponíveis em três tamanhos: uma bola (€3,80); duas bolas (€5,30) e três bolas (€6,50). 

Em matéria de doughnuts, são cerca de uma dúzia os sabores disponíveis. Há de alfarroba e doce de leite (€5,80), original (€2,80), tiramisu (€6,50) ou raspberry & baunilha (4,90), não falando das edições especiais que surgem de tempos a tempos, como a de Wine & Figs,  com figo pingo de mel (€6,70).

A Scoop n’ Dough está aberta entre as 11h e as 23h, sendo possível levar as suas sobremesas para casa através de takeaway. Em breve, abrirá uma nova loja em Cascais, que pretende ser um “bistro de gelados e doughnuts”.

RELACIONADOS

Nécessaire

Podia ser apenas uma peça de arte, mas é um perfume na lista do Guiness

O perfume mais caro do mundo, listado na lista do Guiness, só podia estar num frasco luxuoso que faz jus ao gasto.

Gourmet