“Guochao” é a nova tendência no mercado de luxo na China
Coolhunting

A China grita “Guochao” e abala mercado do luxo

A nova tendência privilegia o “made in China” e pode trazer mudanças radicais no consumo de produtos de luxo.

É a nova hype entre os jovens milionários chineses, um comportamento que já se traduz numa nova tendência batizada de “Guochao” ou, se quisermos, qualquer coisa como “China Chique”. Depois de anos de consumo de marcas de luxo estrangeiras, a China volta-se agora para marcas de luxo “made in China”, que privilegiam matérias-primas locais, elementos que remetem para o patriotismo nacional e uma certa nostalgia cultural. Uma tendência transversal a todas as gerações, mas em particular junto de quem nasceu a partir de 1995, e que até há pouco tempo eram os grandes clientes do luxo europeu.

Já há artigos internacionais a questionar se os dias felizes das marcas de luxo globais não terão chegado ao fim na China e o que será de mercados como Londres, Paris ou Milão até aqui destinos de compras destes consumidores. Para o setor do luxo, a China é uma das nações mais importantes com cerca de 30% das vendas totais, já em 2015 as compras de luxo no estrangeiro representavam mais de 70% dos gastos da classe média chinesa. Dá que pensar…

A Luxonomy fala mesmo na chegada de mudanças radicais no mercado do luxo, já que mudanças na China significam mudanças no resto do mundo do luxo. A verdade é que a procura por estes produtos continua a existir, mas desde as restrições das viagens associadas à pandemia os comportamentos mudaram. Além disso, o facto de as estratégias de marketing e comunicação focadas neste mercado continuarem, na grande maioria, nas mãos de executivos ocidentais, tem provocado alguns incidentes culturais, com campanhas mal adaptadas ao país e mal recebidas pela generalidade dos consumidores.

Estima-se que em 2025 a China deverá ser o maior mercado de luxo mundial (onde continua a existir dinheiro e vontade de consumir) será, por isso, interessante acompanhar as estratégias das grandes Casas de luxo e a forma como vão (ou não) contornar a “Guochao”.

RELACIONADOS

Coolhunting

Lição do dia: usar bermudas como Bella Hadid

A supermodelo é um ícone da moda dentro e fora da passerelle. Põe os olhos nela e as bermudas no carrinho de compras.

Coolhunting