Kate Middleton | Fotografia: Chris Jackson/Getty Images
Coolhunting

Kate Middleton e Drake na mesma frase? Tudo por causa de joias

Kate Middleton e Drake são apenas dois dos nomes conhecidos apaixonados pelas mesmas joias. Por superstição ou luxo, a razão são os trevos de quatro folhas.

As origens, a vida profissional e o estilo de vida podem distanciar Kate Middleton e Drake (uma junção que ainda é estranha na mesma frase), mas há na verdade algo que os une.

É simplesmente o gosto pelas mesmas joias de luxo, da marca Van Cleef & Arpels, que se não conheceres pelo nome, conhecerás pela famosa linha Alhambra, toda ela adornada com trevos de quatro folhas, desenhados por Jacques Arpels, sobrinho de uma das famílias fundadoras da Van Cleef. 

Não sabemos se é por superstição (dizem que os trevos de quatro folhas trazem sorte e era essa mesma a crença do designer que os criou) ou apenas por uma questão de estética e luxo, certo é que a marca tem conquistado não só Kate Middleton e Drake, como outros nomes bem conhecidos, entre eles a Rainha Camilla, LeBron James, Adele, Lily Van Der Woodsen, Molly Mae Hague, Sasha Attwood, Perrie Edwards, Kate Kane e, noutros tempos, também a princesa Grace Kelly do Mónaco. 

Princesa Grace do Mónaco com joias Van Cleef & Arpels | Fotografia: George Rose/Getty Images

Kate Middleton usou as peças da linha Alhambra peça primeira vez de forma dupla, num colar e em brincos, nos EE British Academy Film Awards no Royal Albert Hall em 2020 e depois novamente em 2022, numa visita às Bahamas, em que combinou o colar Magic Alhambra e os respetivos brincos com um vestido Phillipa Lepley.

Enquanto a princesa de Gales guarda os trevos para eventos formais, as restantes celebridades usam as joias Alhambra da Van Cleef & Arpels em diferentes ocasiões: Drake foi visto com os trevos na sua festa de aniversário, Adele numas férias na Sardenha, Sasha Attwood nos jogos do Mundial do Qatar em 2022 e LeBron James num passeio casual pelo Mónaco.

Ainda que pareça que são singelos trevos, em causa estão peças tão exclusivas que para as obter é preciso entrar no club Van Cleef e pagar mais de 2 mil dólares (cerca de €1.871,54) antes de comprar as peças tão desejadas. Só depois é então possível adquirir uma das joias e receber de volta o valor da subscrição.

No caso da famosa linha Alhambra, estamos a falar de joias que podem ir dos €1.570 aos €206.000 por peça, valor que se deve ao ouro branco, rosa ou amarelo de 18 quilates, aos diamantes, às pedras preciosas, à produção artesanal e, claro, à reputação que a marca fundada em 1968 foi alcançando ao longo do tempo.

Coolhunting

Chanel sem Virginie Viard? Resultou em muito (e bom) drama

Inês Teixeira

A Semana de Alta-Costura de Paris continua a fazer-nos sonhar e, desta vez, no desfile da Chanel, mesmo sem diretor criativo. O resultado? Laços, folhos, volume e um bom drama.

Coolhunting