Angelina Jolie. Fotografia: Getty
Nécessaire

Celebridades e cirurgias: beleza a que custo?

Há um “antes” e um “depois” de um padrão de beleza irreal e serão as celebridades o espelho de uma eterna insatisfação?

Num mundo onde os filtros reinam e os procedimentos estéticos são o meio de um ideal de beleza que destrona a genética e o natural, devemos aprender a parar?

As celebridades são o objeto de desejo de quem as segue e o fascínio pela vida que levam vai muito além do interesse pelos objetos de luxo que detêm ou das mansões surreais onde vivem. Se antes as celebridades conduziam a tendências de moda, agora impõem padrões de beleza inalcançáveis para quem não vai “à faca”.

E até que ponto é isto saudável? Se a saúde mental é, cada vez mais, tema de debate em todas as mesas, sem dúvida que muitas destas discussões podem passar pela imagem que criamos de nós mesmos. E não somos apenas nós, meros mortais, que sofremos com questões de imagem e de autoestima, as figuras internacionais que procuram essa busca incessante e insatisfeita padecem das mesmas dores…

Será a solução a aceitação de uma beleza natural? Ou a beleza está em fazermos o que entendermos para nos sentirmos bem?

RELACIONADOS

Evasão

Hoje há espetáculo no céu e chama-se Superlua de Morango

Se não tínhamos planos para hoje à noite, estamos todos convidado para um espetáculo noturno. Sem nenhum equipamento especial, basta olhar para o céu.

Nécessaire