Nymphomaniac: Volume 2
Nécessaire

Será que conheces o mapa do prazer feminino?

A-spot, G-spot, K, U… Muitos destes pontos não são conhecidos, apesar do seu enorme potencial.

Vamos elevar o prazer a um novo nível? Sim, por favor. O corpo de uma mulher é uma tela complexa e um mapa impressionante para uma estimulação multifacetada que, tal como a terra, é composto por várias camadas interligadas.

Mapear os percursos de prazer do corpo humano pede tempo e paciência, e pode mudar de um dia para outro. Megwyn White, Diretora de Educação da Satisfyer e sexóloga clínica, destacou os pontos-chave a considerar.

A-spot

"Pode ser difícil conseguir orgasmos A-spot por si própria, mas não é impossível," afirma Megwyn White. "Para encontrar o A-spot precisa de encontrar a ponta do seu colo do útero quer através da sua própria mão ou através de um brinquedo. Quando tocar na cérvix, ao ir até ao fim da vagina, sentirá a ponta do colo do útero que é macia e bulbosa, tal como a ponta de um nariz. O A-Spot é aquela pequena fenda onde o colo do útero encontra o topo do seu canal vaginal na direção do umbigo".

G-spot

"Uma forma de começar é através da estimulação indireta do clítoris com os dedos ou com um brinquedo sexual. Pode fazê-lo com uma leve pressão na direção do clítoris e experimentar também outros tipos de estimulação, como acariciar, ou copular a área com algo como um estimulador Air Pulse para fazer com que o fluxo sanguíneo se mova para o clítoris interno’’, comenta Megwyn White.

K-spot

O K-Spot é a área à volta da base na coluna, onde o plexo sacral é revestido com muitas terminações nervosas que intersetam os órgãos genitais. Isto significa que, tocar e estimular este ponto pode ajudar a alcançar muitos outros pontos ao mesmo tempo. 

"As vibrações dos nossos dedos são uma ótima opção para explorar esta área com o Satisfyer Teaser. Pode também utilizá-lo num contexto inverso com a vibração no topo do dedo para o fazer vibrar, indiretamente permitindo o toque humano. O Satisfyer Wander Woman é outra boa opção para uma boa vibração. A cabeça mais larga permite-lhe estimular esta área direta ou indiretamente, e também oferece o potencial para explorar diretamente o quadril, as bases da anca, o interior das coxas e o sacro," recomenda a sexóloga.

U-spot

O U-spot é nomeado em função da uretra e corresponde à área em torno da abertura uretral, entre o clítoris e a abertura vaginal. A melhor maneira de estimular diretamente este ponto é com algo mais pequeno como um dedo, língua, ou um brinquedo, como por exemplo o Elastic Game o Purple Pleasure. Em geral, mamilos, peito, pescoço, interior das coxas e glúteos são zonas erógenas. Todas elas podem ajudar a aumentar a conexão aos músculos do pavimento pélvico e ajudar a desencadear contrações orgásmicas.

RELACIONADOS

Coolhunting

Vodafone Paredes de Coura: estes são os melhores looks do festival

Quando a música invade Paredes de Coura, sabemos que memórias são feitas e que jamais esqueceremos a magia deste festival. Uma magia que passa também para a roupa dos festivaleiros.

Nécessaire