Subir escadas é um exercício simples e com grandes benefícios | Fotografia: Unsplash
Nécessaire

O segredo para músculos tonificados e menos stress? Este hábito diário

Subir escadas pode ser encarado como um exercício que melhora a saúde no geral e que nos permite viver mais e melhor. Um especialista detalha os benefícios.

Pode não parecer, mas subir um pequeno lance de escadas pode ter um impacto positivo na saúde. Um novo estudo apresentado no congresso de cardiologia preventiva de 2024 da Sociedade Europeia de Cardiologia debruça-se sobre os efeitos cumulativos benéficos de subir escadas e de como isso nos pode ajudar a viver mais.

O estudo em questão concluiu que o movimento de subir escadas estava associado a uma redução de 24% do risco de morte por qualquer causa e a uma redução de 39% da probabilidade de morte por doença cardiovascular.

Hugo Pombo, coordenador e diretor técnico do Private Gym by Fisiogaspar corrobora estes benefícios, sublinhando que esta atividade contribui, acima de tudo, para uma melhoria da saúde cardiovascular, uma vez que subir escadas “aumenta a frequência cardíaca, o que ajuda a melhorar a saúde cardiovascular”.

O aumento da massa muscular é outra consequência positiva de incorporar o hábito de prescindir do elevador e de dar primazia ao uso de escadas sempre que possível.

“Este exercício trabalha principalmente os músculos das pernas, incluindo os quadricípites, glúteos, isquiotibiais e gémeos, além de envolver também o core e a musculatura das costas”, explica o fisiologista do exercício.

Se estiveres a tentar emagrecer, este exercício é também altamente benéfico para aumentar o gasto calórico, uma vez que subir escadas é uma atividade de alta intensidade e que “pode queimar mais calorias em menos tempo comparado com exercícios de menor intensidade, aumentando o gasto calórico e ajudando na perda de peso ou manutenção do peso corporal”.

Um dos pontos fortes da adoção deste hábito na nossa rotina diária, refere Hugo Pombo, é a acessibilidade deste exercício, uma vez que é “simples, gratuito e facilmente acessível para a maioria das pessoas, já que muitas vezes não requer equipamentos especiais além de um bom conjunto de escadas”, nota.

Por fim, a prática deste hábito melhora o equilíbrio e a coordenação.  Ao subir escadas, é possível melhorar o equilíbrio e a coordenação, “o que pode ajudar a prevenir quedas, especialmente à medida que se envelhece”. 

A diminuição do stress é outro fator a ter em conta. “Como qualquer atividade física, subir escadas liberta endorfinas, que são hormonas que promovem uma sensação de bem-estar e ajudam a reduzir o stress. Devido a esses benefícios, subir escadas pode ser considerado um excelente exercício para incluir numa rotina diária. É importante, ter apenas algumas considerações, iniciar lentamente e ir aumentando a intensidade progressivamente para evitar sobrecargas e lesões futuras”, conclui Hugo Pombo.

Diversa

De Portugal para o mundo, não é preciso praticar para vestir surf

A história da Deeply começou no seio de um grande retalhista português e há três anos abriu-se um novo capítulo. Hoje, o surf está na essência desta marca, mas não só.

Nécessaire