Cry. Fotografia: Unsplash
Nécessaire

Confissões numa rotina de beleza? Os produtos que nos deixam vulneráveis

Uma nova tendência de beleza impõe-nos uma espécie de terapia digital e a culpa deste fenómeno estranho só podia ser do TikTok.

Por maior que seja a velocidade na propagação de conteúdos online, bem como a rapidez de consumo dos mesmos, parece que ainda há tempo – e necessidade – de partilharmos alguns dos nossos pensamentos mais íntimos com quem quer que esteja a ler do outro lado, em desabafos que nos deixam algo vulneráveis. Até aqui, podíamos compreender. O resto é que já é de estranhar.

É que esta injeção de vulnerabilidade não vem de um fórum de psicologia, mas, sim, de um conteúdo, no mínimo, inesperado: vídeos sobre produtos de beleza no TikTok. Antes de aplicar uma máscara de rosto, vou ter que dissertar sobre os meus medos e aspirações? Estranho, mas real. 

As tiktokers uniram-se, assim, para um desafio que os obriga a confissões, antes mesmo de elegerem um dos produtos de beleza favoritos. Esta fórmula foi tão bem aceite na Internet que, rapidamente, se tornou viral e contou com inúmeras partilhas.

"Que máscara de rosto usam? Pessoalmente, nunca mais volto a procurar relações. Gosto da Cetaphil"; "Qual o creme hidratante que usam no dia-a-dia? Nada nos prepara para as amizades fugazes da idade adulta, bem como perder o contacto com as pessoas de quem gostamos. O meu favorito é da Cerave" são alguns dos exemplos.

Ou seja, aqui, há espaço para reviews de produtos de beleza, enquanto se fala sobre problemas e questões da vida, de uma forma genérica. A troca de palavras e de conselhos servem não só para saber qual o melhor batom, como para se lidar com o fim de uma relação tóxica.

 

 

RELACIONADOS

Coolhunting

A Max Mara desfila hoje na Gulbenkian in love por Portugal e por Natália Correia

A marca de luxo italiana escolheu o Jardim Gulbenkian para desfilar a sua coleção resort 2023 hoje ao serão, um acontecimento inédito em Lisboa. Antes, a Versa conversou com Ian Griffiths, o diretor criativo da Max Mara, e ele contou-nos tudo.

Nécessaire