Marylin Monroe | Fotografia: Unsplash
Coolhunting

Um dos looks mais controversos de sempre terá sido o pior de 2022?

Um dos mais falados foi com toda a certeza. Kim Kardashian inspirou-se em Marylin Monroe e gerou controvérsia na grande noite do Met Gala 2022.

Com lugar no emblemático Museu Metropolitano de Arte de Nova Iorque, o Met Gala voltou a ser um espetáculo de moda memorável. Com os holofotes apontados às celebridades que por lá passaram, o escrutínio a cada uma delas foi lançado e Kim Kardashian foi protagonista. 

Com o cabelo platinado e o vestido icónico que Marylin Monroe usou em 1962 para cantar os parabéns a John F. Kennedy, no 45.º aniversário do presidente, Kim Kardashian inspirou-se no tema da noite, In America: An Anthology Of Fashion, uma continuidade da edição anterior, In America: A Lexicon of Fashion, e o resultado não ganhou a aprovação da Internet ou de muitos entendidos em moda.

"A ideia surgiu-me depois da gala do ano passado, em setembro. Pensei no que é que poderia ter feito para o tema 'In America: A Lexicon of Fashion', se não tivesse escolhido o look Balenciaga. Qual é a coisa mais americana de que nos conseguimos lembrar? É a Marylin Monroe", contou a socialite à Vogue.

Tratando-se de um vestido icónico e de um valor inestimável para a história da moda, Kim Kardashian foi acusada de pôr em risco a integridade da peça. E houve também quem a criticasse pela perda de peso substancial para poder caber no vestido.

Controverso foi certamente e, para a maioria, o pior momento de moda em 2022.

RELACIONADOS

ConVersa

"Vivemos os dias mais extraordinários na indústria automóvel"

Na conVERSA desta semana, falamos com Francesca Sangalli, diretora de cores e materiais da CUPRA.

Coolhunting