"Diabo em Ohio"
Design e Artes

“O Diabo em Ohio”: a nova série que vai sobrepor-se a tudo o que estamos a ver

Suspense, mistério e a série que precisávamos para os serões de volta a casa. A protagonista Mae vai deixar todos curiosos com a origem do pentagrama nas costas.

Chegou ao catálogo da Netflix no sábado, 2 de setembro, e arrasou. “O Diabo em Ohio” já ocupa o top de séries mais vistas e não é de estranhar: é daquelas séries que nos deixa agarrados e sem descansar até ver todos os episódios.  

A nova série da Netflix conta a história de uma psiquiatra e mãe de três filhas. Suzanne Mathis (Emily Deschanel), que acolhe uma jovem fugida de uma seita misteriosa que apareceu no hospital com uma marca de um pentagrama nas costas.

A médica tenta proteger Mae Dodd (Madeleine Arthur), mas à medida que a jovem se vai integrando na vida familiar de Suzanne, que mora com o marido e as filhas em Ohio, cidade que dá nome à série, vai deixando escapar pormenores do passado obscuro.

Mae acaba por colocar a família em perigo e a nós, espetadores, em risco de não fazermos nada mais nos serões norturnos, a não ser ver a série até ao fim.  

A história é baseada no livro com o mesmo nome publicado em 2017, cuja autora, Daria Polatin, decidiu, e bem, dado o sucesso que está a ter, transformar em série. Para já, “O Diabo em Ohio” tem apenas uma temporada, com oito episódios carregados de suspense. 

Só o trailer já é de ficar com o coração na garganta.  

RELACIONADOS

Coolhunting

Blake Lively está obcecada com estes bolos. Que, infelizmente, não são de comer

Amy faz bolos que não são bolos, malas que não são malas e nem por isso as criações deixam de ser apetitosas. Ou cheias de estilo. Depende da perspetiva.

Design e Artes